PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Projeto de 'cidade do futuro' da Alphabet avança em Toronto

Natalie Wong

31/10/2019 13h37

(Bloomberg) — O plano da Alphabet de criar uma "cidade do futuro" em uma área portuária em Toronto superou um grande obstáculo, mas o projeto será muito menor do que o previsto.

A Sidewalk Labs, unidade de inovação urbana da Alphabet, que também controla o Google, obteve aprovação para avançar com o projeto na quinta-feira, depois de ceder em várias questões polêmicas. Entre elas, manter o plano original de 4,8 hectares, em vez de um projeto de 77 hectares em junho. A Waterfront Toronto, a agência responsável pelo projeto, assumirá a liderança em todos os assuntos de dados e privacidade, e a Sidewalk concordou em avançar sem financiamento da cidade para transporte.

A Sidewalk havia proposto investir 1,3 bilhão de dólares canadenses (US$ 990 milhões) em parceria com empresas locais para iniciar o projeto, com o objetivo de mostrar a visão do CEO da Alphabet, Larry Page, de uma cidade moderna movida por sensores e dados. O plano incluía desde o depósito subterrâneo de lixo até ciclovias aquecidas, além de escritórios e milhares de unidades residenciais, com moradias abaixo do preço de mercado e acessíveis.

"Queremos envolver grandes empresas de tecnologia, mas sob nossos próprios termos", disse Alex Ryan, diretor de programas do MaRS Solutions Lab, um centro de tecnologia na maior cidade do Canadá, que prestou assessoria para a Sidewalk e para a Waterfront.

O projeto ainda está em fase inicial. O conselho da agência Waterfront iniciará consultas públicas para avaliar o restante da proposta da Sidewalk e decidirá em 31 de março se deve prosseguir com a implementação, com um prazo para finalizar um acordo até 31 de dezembro de 2020.

—Com a colaboração de Gerrit De Vynck.

Para contatar o editor responsável por esta notícia: Daniela Milanese, dmilanese@bloomberg.net