PUBLICIDADE
IPCA
0,26 Jun.2020
Topo

Índia deve aumentar produção de açúcar com maior área plantada

Pratik Parija

08/06/2020 08h51

(Bloomberg) -- A Índia, que disputa com o Brasil o posto de maior produtor de açúcar do mundo, deve elevar a produção na próxima temporada devido ao maior volume dos principais estados de cultivo.

O plantio de cana em Maharashtra e Karnataka tem se recuperado, o que deve aumentar a produção de açúcar em 2020-21 acima da estimativa de 27 milhões de toneladas deste ano, disse Abinash Verma, diretor-geral da Associação Indiana de Usinas de Açúcar, sem fornecer uma projeção. O nível adequado de água nos reservatórios tem ajudado agricultores a cultivarem uma área maior, disse.

"O plantio de cana é melhor em Maharashtra e Karnataka", disse Verma em entrevista. A produção nesses estados deve cair no ano 2019-20 que termina em 30 de setembro, pois o clima seco reduziu a área cultivada, segundo a associação.

As exportações de açúcar da Índia podem superar 5 milhões de toneladas em 2019-20, de acordo com Verma. A oferta estável da Índia pode manter os contratos futuros globais de açúcar sob controle em meio à queda da produção na Tailândia, o segundo maior exportador do mundo. O país enfrentou a pior seca em 40 anos, o que afetou os canaviais.

Os estoques de açúcar de usinas indianas podem cair para cerca de 11 milhões de toneladas em 1º de outubro em comparação ao recorde de 14,5 milhões de toneladas no ano anterior, principalmente por causa da queda da produção em 2019-20, disse Verma. O volume é suficiente para atender à demanda doméstica por mais de cinco meses.

Agricultores plantaram cana-de-açúcar em cerca de 4,696 milhões de hectares em todo o país até agora neste ano, em comparação com 4,679 milhões de hectares no mesmo período do ano anterior, segundo o Ministério da Agricultura.

"Pedimos ao governo para aumentar o preço mínimo de venda de açúcar no mercado doméstico, pois nossos custos estão mais altos", disse Verma. No país, o custo de produção é de 35 a 36 rupias por quilograma, em média, disse.

O governo da Índia controla o preço do açúcar no país com um preço mínimo de venda. Também estabelece uma taxa mínima para a cana que as usinas pagam aos agricultores, o que aumenta os custos de produção.

©2020 Bloomberg L.P.

Economia