PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Estações de recarga de veículos elétricos devem ganhar impulso

Laura Millan Lombrana e Rachel Morison

23/06/2020 15h14

(Bloomberg) -- O setor de veículos elétricos leva anos no dilema do ovo e da galinha. Sem extensas redes de estações de recarga públicas, uma massa crítica de pessoas nunca se sentiria confortável em dirigir carros elétricos. Mas, sem uma massa crítica de pessoas dirigindo esses veículos, não teria sentido investir em extensas redes de estações de recarga públicas.

Pode ser que a pandemia de coronavírus finalmente resolva o impasse. O relatório mais recente da BloombergNEF sobre as Perspectivas de Longo Prazo para Veículos Elétricos prevê que as vendas de veículos elétricos cairão menos do que as de automóveis tradicionais como resultado da crise econômica e se recuperarão mais rapidamente. Os veículos elétricos e a infraestrutura necessária para carregá-los também foram incluídos em muitos dos pacotes de estímulo anunciados por governos da Europa e da Ásia. Apenas nas últimas semanas, a Alemanha incluiu carregadores em seu pacote econômico proposto de 2,5 bilhões de euros, e a União Europeia anunciou que pretende ter 1 milhão de estações de recarga públicas até 2025 em relação a menos de 200 mil atualmente.

"Existe absolutamente um argumento para a infraestrutura de recarga de veículos ser parte da recuperação", diz Matt Allen, diretor-presidente da Pivot Power, desenvolvedora de baterias e carregadores do Reino Unido. Carregadores rápidos demandam grandes quantidades de energia em um local e a instalação é difícil e cara, diz. O investimento de governos pode ajudar empresas a superarem esse obstáculo, criar empregos muito necessários e dar impulso à economia à medida que o setor de veículos elétricos se expande.

"Isso tornará projetos menores e de nicho mais investíveis, porque mais veículos elétricos em circulação significam uma base maior de clientes", diz Allen, acrescentando: "Queremos estímulo, não uma muleta de longo prazo para a indústria."

©2020 Bloomberg L.P.