PUBLICIDADE
IPCA
0,26 Jun.2020
Topo

Recuperação de setor de gás de xisto dos EUA deve levar anos

Kevin Crowley e Catherine Ngai

24/06/2020 12h42

(Bloomberg) -- Como os preços do petróleo na casa dos US $ 40 o barril após a queda puxada pela pandemia, a percepção é de que o setor de gás de xisto dos Estados Unidos está renascendo. Produtoras como Continental Resources, EOG Resources e Parsley Energy dizem que estão retomando as atividades de poços fechados.

Mas analistas do setor revelam uma imagem muito mais pessimista. A reabertura, dizem, terá pouco impacto para reativar o crescimento de um setor cada vez mais sem dinheiro de Wall Street após uma década de excessos. Mesmo antes da pandemia, investidores exigiam que as empresas não gastassem mais do que ganhavam. Agora, isso se tornou uma grande barreira para o crescimento futuro.

Em 18 meses, a produção dos EUA ainda estará cerca de 16% abaixo do pico em fevereiro, de acordo com a média dos cinco principais analistas consultados pela Bloomberg. Provavelmente, somente em 2023 os EUA conseguirão atingir novamente o recorde de quase 13 milhões de barris por dia.

"Nada vai dar muito dinheiro", disse Bernadette Johnson, vice-presidente de análise estratégica da Enverus, uma empresa de dados e pesquisa. Considerando os preços atuais do petróleo em Nova York, ela acrescentou: "muito poucos novos poços estão sendo ativados".

Ainda assim, Opep e aliados não devem ficar tranquilos.

A revolução do gás de xisto, que tornou os EUA o maior produtor mundial de petróleo e gás, ainda mantém seu poder de impacto. Analistas dizem que há grande chance de a indústria de gás de xisto se recuperar mais rapidamente do que o esperado, caso os contratos futuros continuem subindo e se estabilizem na faixa de US$ 55 a US$ 65 o barril por um longo período.

A indústria de gás de xisto dos EUA desafia os céticos há 15 anos em termos do grande volume de petróleo produzido. Nesse período, o setor mais do que duplicou a produção, adicionando cerca de 8 milhões de barris por dia aos mercados globais.

Mas essa conquista teve um custo enorme. Operadores de gás de xisto gastaram cerca de US$ 340 bilhões nos últimos 11 anos, usando empréstimos e recursos de ofertas de ações levantados com Wall Street, deixando pouco para investidores. O resultado final: ações de energia caíram este ano para menos de 3% do índice S&P 500 em termos de ponderação, segundo o valor de mercado das empresas.

©2020 Bloomberg L.P.

Economia