PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Trabalho remoto traz ganhos para madeira e perdas para o papel

Jen Skerritt

31/07/2020 16h00

(Bloomberg) -- O trabalho remoto ajuda a melhorar o desempenho da madeira serrada, pois americanos confinados fazem mais reformas em suas casas. Ao mesmo tempo, o fechamento de escritórios esmaga a demanda de outro produto das árvores: o papel.

As paralisações diminuíram a demanda por papel usado em todos os tipos de produtos usados em publicidade, escolas, lojas e restaurantes, disse o diretor-presidente da Resolute Forest Products, Yves Laflamme. A empresa, com sede em Montreal, desativou temporariamente cinco de suas máquinas de papel, e a pandemia fez com que clientes cancelassem até 40% dos pedidos, disse.

Os embarques de papel da empresa caíram em 132 mil toneladas no segundo trimestre devido à "queda drástica" da atividade econômica, principalmente para publicidade em folhetos e papéis publicitários, segundo comunicado do balanço da empresa.

"Vamos perder volumes que não voltarão", disse Laflamme em entrevista por telefone. "Acho que o papel vai ter dificuldades."

A forte queda da demanda por papel ocorre justo quando empresas como a Resolute procuram tirar proveito dos surpreendentes ganhos da madeira serrada causados pelas paralisações do coronavírus. Os futuros da madeira serrada dobraram desde o início de abril, quando restrições de mobilidade levaram a um aumento na demanda por materiais de construção para reformas.

A Resolute retomou as operações de suas serrarias no Quebec em julho em meio à força do mercado de reparos e reformas e mais construções de moradias iniciadas nos EUA, disse Laflamme. Também aumentará a capacidade com a entrada em operação de sua fábrica em El Dorado, Arkansas, no início de 2021.

"É definitivamente uma grande surpresa", disse Laflamme.

©2020 Bloomberg L.P.