Bolsas

Câmbio

Buenos Aires vive dia de apagão em meio à onda de calor

Buenos Aires, 12 fev (EFE).- Aproximadamente 65 mil pessoas ficaram sem eletricidade nesta sexta-feira na região metropolitana de Buenos Aires, na Argentina, devido ao aumento da demanda por energia causado pelas altas temperaturas do verão, informaram fontes oficiais.

Segundo os dados oferecidos pelo Ente Regulador da Eletricidade (ENRE), a agência governamental responsável pelo setor, há 31.912 usuários afetados pelos cortes no fornecimento de energia elétrica na área de concessão da companhia Edenor e 33.960 na da Edesur.

Apesar dos aumentos recentes de até 600% nas tarifas de luz, a demanda por eletricidade alcançou hoje um novo recorde histórico ao registrar 25.380 megawatts às 14h35 locais (15h35 de Brasília), quando o termômetro marcava 34,5 graus de temperatura na capital argentina.

Os moradores de Buenos Aires já tinham sofrido com apagões maciços e prolongados em dezembro e janeiro, no quinto ano consecutivo em que os dias mais quentes do verão são marcados por falhas e deficiências na rede elétrica.

Atualmente, a Argentina se encontra em uma situação de emergência energética, declarada em meados de dezembro pelo ministro da Energia e Mineração, Juan José Aranguren.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos