Bolsas

Câmbio

Dilma abre conta em rede social chinesa para promover Jogos do Rio

Rio de Janeiro, 25 fev (EFE).- A presidente Dilma Rousseff criou nesta quinta-feira uma conta na rede social Weibo, alternativa chinesa ao Twitter, para promover os Jogos Olímpicos e Paralímpicos do Rio de Janeiro aos cerca 600 milhões de usuários, informaram fontes oficiais nesta quinta-feira.

A conta de Dilma foi aberta na quarta-feira e nas primeiras 24 horas já superou os mil seguidores. O objetivo do perfil, que foi feito em parceria com a Secretaria Municipal de Esportes e Lazer do Rio de Janeiro (Smel), é divulgar a preparação da cidade para o evento, segundo a "Agência Brasil".

Como primeira publicação, a presidente postou um vídeo em português com legenda em chinês no qual convidava os usuários da rede social a assistir aos Jogos junto a fãs do mundo inteiro, em uma celebração de paz entre os povos.

"Aqui, vocês poderão viver a alegria e sentir a energia do povo brasileiro. O Brasil inteiro aguarda os atletas e os torcedores chineses de braços abertos", disse a presidente em um vídeo de pouco mais de um minuto e meio de duração.

O secretário municipal de Esportes e Lazer, Marcos Braz, afirmou que essa associação é uma oportunidade de mostrar o Rio de Janeiro aos chineses, assim como os trabalhos sociais e o legado de transformação e inclusão social por meio do esporte. Ele reconheceu que como benefício secundário o acordo abrirá possibilidades de negócios às empresas da cidade e do país inteiro na China.

"Não é nosso objetivo prioritário (gerar possibilidade de negócio), mas, sem dúvida alguma, podemos ganhar com isso também. Volto a dizer que não podemos perder as oportunidades de que o Brasil precisa neste momento para investir", comentou.

Segundo dados do criador da Weibo, Arthur Wei, a rede social conta com 600 milhões de chineses cadastrados, 400 milhões dos quais são usuários ativos.

Durante os Jogos Olímpicos de Londres, em 2012, a rede chegou a 4 bilhões de mensagens, com até 20 mil mensagens por segundo, números que as autoridades brasileiras esperam superar durante a realização do evento no Rio.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos