PUBLICIDADE
IPCA
+0,83 Mai.2021
Topo

Metrô de Washington fechará por 29 horas para revisão de segurança

15/03/2016 20h23

Washington, 15 mar (EFE).- O metrô da capital dos Estados Unidos vai ficar fechado por 29 horas a partir de amanhã para que as equipes de segurança revisem as instalações, informou nesta terça-feira o WMATA, grupo que o administra.

A decisão inédita foi tomada depois que um curto-circuito em um túnel do metrô provocou enormes atrasos em três das seis linhas do sistema, frequentemente criticado pelos usuários por conta de atrasos e da suspensão do serviço. Atualmente, o metrô de Washington atende a mais de 6 milhões de pessoas da área metropolitana da cidade.

"Embora o risco para o público seja muito baixo, não posso descartar que afete potencialmente à segurança, por isso vamos atuar imediatamente", disse em comunicado o diretor-geral do WMATA, Paul Wiedefeld.

A empresa quer prevenir outro incidente fatal como o que ocorreu no começo do ano passado, quando uma mulher de 61 anos morreu após inalar a densa fumaça que se acumulou no túnel enquanto o trem estava parado. Os estudos posteriores indicaram que o fumaça foi provocada por um curto-circuito e que a resposta dos serviços de emergência e os controladores do metrô não foi suficientemente rápida para evitar que os passageiros fossem expostos. Além da morte da usuária, 80 pessoas que viajavam nesse trem da linha amarela perto da estação de L'Enfant Plaza tiveram que ser hospitalizadas pelos efeitos da inalação de fumaça.

O metro ficará fechado da meia-noite desta quarta-feira até às 5h de quinta-feira, período no qual 600 cabos passarão por manutenção. Segundo a empresa, caso algum problema seja percebido no sistema elétrico a reabertura poderia atrasar.

"Quando digo que a segurança é nossa maior prioridade, digo a verdade. Isto às vezes significa tomar decisões impopulares", afirmou Wiedefeld.

No total, mais de 215 milhões de viagens são realizadas por ano pelos 188 quilômetros de via .