Bolsas

Câmbio

Mercado volta a piorar previsão de retração da economia em 2016

São Paulo, 2 mai (EFE).- Analistas do mercado financeiro voltaram a piorar suas previsões para a retração da economia brasileira em 2016, que agora deve ser de 3,89% contra os 3,88% projetados na semana passada, informou nesta segunda-feira o Banco Central através da divulgação do Boletim Focus.

Já são 15 semanas consecutivas nas quais os economistas do setor privado rebaixam suas estimativas. As novas projeções são ligeiramente mais negativas do que as da semana passada, quando os analistas projetaram pela primeira vez que a queda do Produto Interno Bruto (PIB) seria maior do que a registrada em 2015.

No ano passado, o Brasil registrou uma queda de 3,8% do PIB, o pior resultado da economia nos últimos 25 anos.

Os números dos analistas estão no Boletim Focus, uma publicação semanal do Banco Central que inclui uma pesquisa com mais de cem economistas de entidades financeiras do setor privado sobre o estado da economia doméstica.

Se completadas as previsões dos analistas, o país ficará dois anos seguidos no vermelho pela primeira vez desde a década de 1930.

Por outro lado, as previsões continuam melhorando para 2017, quando espera-se que a economia cresça 0,4%, acima dos 0,3% do último relatório divulgado pelo Banco Central.

Quanto à inflação, os analistas seguem diminuindo as projeções e agora estimam um índice de 6,94% neste ano, número inferior aos 6,98% da semana passada, mas acima do teto máximo da meta oficial do governo, que é de 6,5%. Para 2017, a inflação será de 5,72%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos