Vendas de veículos no Brasil caem 27,91% em 2016

Rio de Janeiro, 3 mai (EFE).- As vendas de veículos novos no Brasil caíram 27,91% nos primeiros quatro meses deste ano em comparação com o mesmo período de 2015, informou nesta terça-feira a Federação Nacional de Distribuidores de Veículos Automotores (Fenabrave).

De acordo com a patronal, foram comercializados 644.291 veículos no Brasil entre janeiro e abril deste ano, frente a 893.744 unidades vendidas nos quatro primeiros meses do ano passado.

A forte queda das vendas foi atribuída pela Fenabrave ao momento de recessão do país, que provocou o aumento do desemprego e uma redução da renda dos brasileiros, assim como as elevadas taxas de juros, em seu maior nível em quase uma década e que encareceram o crédito.

O setor de automóveis foi um dos mais afetados pela crise e os fabricantes tentam compensar a queda das vendas no mercado interno com mais exportações, incentivadas pela desvalorização do real frente ao dólar.

De acordo com os dados da patronal, nos primeiros quatro meses deste ano foram vendidos no Brasil 533.665 automóveis, com uma queda de 26,40% frente ao mesmo período do ano passado; 88.950 utilitários e caminhonetes (-34,20%); 17.181 caminhões (-31,70%) e 4.490 ônibus (-46,11%).

Apenas em abril, em comparação com o mesmo mês do ano passado, a venda de veículos em geral caiu 25,73%, até 162.915 unidades, e a de automóveis 26,33%, para 132.032 unidades.

Segundo as projeções da Fenabrave, o Brasil terminará 2016 com 2,23 milhões de automóveis e utilitários vendidos, número 20% inferiores aos de 2015. Este será o terceiro ano consecutivo em que as vendas de automóveis diminuirão.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos