Bolsas

Câmbio

CK Hutchison estudará medidas legais contra bloqueio da CE à compra da O2

Hong Kong, 11 mai (EFE).- A companhia Hutchison Holdings, de Honk Kong, interessada na compra da filial britânica da espanhola Telefónica, a O2, disse nesta quarta-feira que estudará medidas legais contra a decisão da Comissão Europeia (CE) de proibir a operação.

A empresa mostrou em comunicado sua "profunda decepção" pela postura adotada hoje pela CE, que considerou que a compra deixaria o Reino Unido com apenas duas operadoras de redes móveis, e que as contrapartidas oferecidas para remediar as preocupações não eram "suficientes".

A Hutchison é proprietária da Three UK, o quarto maior serviço de telecomunicações e internet da Grã-Bretanha, por isso, a união com a operadora de telefonia celular O2 teria dado ao empresário Li Ka-shing, à frente da Hutchison, o controle do setor no Reino Unido.

"Acreditamos firmemente que a fusão teria trazido grandes benefícios para o Reino Unido", ressaltou a companhia na nota, lembrando os investimentos previstos na infraestrutura digital e o "aumento da concorrência de preços" para consumidores e empresas que previa dar início na O2.

A CE bloqueou a operação, avaliada em 10,25 bilhões de libras (13 bilhões de euros) porque estava "seriamente preocupada que os clientes de telefonia celular no Reino Unido tivessem menos possibilidades de escolha e pagassem preços mais altos". Além disso, alegou que a transação "prejudicaria a inovação do setor das comunicações móveis".

"Vamos estudar a decisão da Comissão Europeia em detalha e considerar nossas opções, incluindo a possibilidade de medidas legais", respondeu a Hutchison no comunicado.

Li Ka-shing, conhecido em Hong Kong como "Superman" por sua habilidade nos negócios, é o homem mais rico da Ásia, com uma fortuna estimada em US$ 35 bilhões, segundo a revista "Forbes".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos