Bolsas

Câmbio

Analistas aumentam estimativa de inflação neste ano para 7,04%

Brasília, 23 mai (EFE).- Os analistas do mercado financeiro revisaram suas previsões para a economia neste ano e agora sustentam que o PIB terá uma contração de 3,83%, contra os 3,88% esperados até semana passada, segundo informações divulgadas nesta segunda-feira pelo Banco Central.

A ligeira melhora das perspectivas da economia aparece no Boletim Focus, uma pesquisa com 100 especialistas do mercado financeiro privado, que nesta ocasião ratificaram que em 2017 haverá uma tímida recuperação, com um crescimento de 0,5%.

Porém, os analistas preveem um aumento da inflação para 2016, calculada em 7,04% neste ano, contra os 7% previstos na semana passada.

Além disso, os especialistas calcularam que a taxa de juros referencial, que está situada em 14,25%, cairá para 12,75% em dezembro.

A economia está imersa em uma profunda recessão agravada pela crise política vivida pelo país, onde a presidente Dilma Rousseff está afastada respondendo por um processo de impeachment.

O presidente em exercício, Michel Temer, estuda uma série de medidas para corrigir sérios desequilíbrios fiscais. Entre elas figuram uma reforma da previdência e uma revisão das leis trabalhistas, que o setor privado considera fundamentais para recuperar o crescimento.

O governo interino também revisou os cálculos para o déficit fiscal primário previsto para este ano, que fixou em R$ 170,5 bilhões, que seria o mais grave registrado na história do país.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos