Bolsas

Câmbio

Pilotos da Air France confirmam greve para sábado

Paris, 9 jun (EFE).- Os sindicatos de pilotos da Air France confirmaram nesta quinta-feira que entrarão em greve por quatro dias a partir de sábado por conta de problemas internos na empresa, em meio às paralisações de trens e serviços de coletas de lixo de grandes cidades francesas, que continuarão amanhã.

O presidente da Air France, Frédéric Gagey, ressaltou em entrevista coletiva que vai tentar minimizar o efeito da greve e propôs a redução de 20% a 30% dos vôos no sábado, um dia após a abertura da Eurocopa.

Os detalhes dos voos cancelados devem ser divulgados amanhã.

O Sindicato Nacional de Pilotos de Linha (SNPL, primeiro centro deste grupo na companhia aérea), queixou-se de que o protocolo proposto não contém mais do que "algum progresso mínimo" e que Gagey prefere administrar, em vez de evitar a greve.

O SNPL e os outros sindicatos denunciam, em particular, a política da empresa, que segundo sua opinião está favorecendo seus parceiros da KLM em detrimento da Air France pelos menores custos (em termos de impostos e taxas aeroportuárias na Holanda).

Nos trens, boa parte das assembleias de trabalhadores da Sociedade Nacional de Ferrovias (SNCF) que aconteceram hoje optaram por continuar a greve pelo 10º dia consecutivo.

O secretário-geral da Confederação Geral do Trabalho (CGT), Philippe Martínez, afirmou que seu sindicato - que lidera os protestos - deseja que a Eurocopa seja "uma verdadeira festa popular tanto nos estádios como nas áreas de torcedores".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos