Vendas do comércio varejista caem 5,3% em julho

São Paulo, 13 set (EFE).- As vendas no comércio varejista caíram 5,3% em julho em comparação com o mesmo mês de 2015, e 0,3% em relação a junho deste ano, informou nesta terça-feira o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Além disso, as vendas acumularam uma queda de 6,7% nos primeiros sete meses do ano, o que reflete a crise aguda vivida no setor.

Entre os oito setores analisados pelo IBGE, seis fecharam com números vermelhos em julho, em comparação com o mês anterior, com destaque para tecidos, vestuário e calçados, que caiu 5,8%.

O segmento de supermercados, bebidas e alimentos, um dos de maior peso no comércio varejista, também teve queda, de 0,3%, o mesmo percentual do de automóveis.

Já os números positivos ficaram com o setor de equipamentos e material para escritórios, que avançou 5,9%, e o de artigos farmacêuticos, que cresceu 0,7%.

O volume de vendas no comércio varejista vem caindo nos últimos meses por causa da grave crise econômica vivida no país, o que fez diminuir consideravelmente a confiança dos consumidores e reduziu seu poder de compra.

A inflação, que no ano passado fechou em 10,67%, também teve fortes consequências para a queda no volume de vendas do comércio, mas o nível dos preços começou a ceder nos últimos meses.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos