Bolsas

Câmbio

Dow Jones fecha praticamente estável

Nova York, 3 mar (EFE).- O índice Dow Jones Industrial fechou nesta sexta-feira em leve alta de 0,01%, em meio a apostas firmes em favor de um aumento próximo nas taxas de juros de referência nos Estados Unidos.

Ao final do pregão, o principal indicador da Bolsa de Nova York somou 2,74 pontos e fechou aos 21.005,71. Já o índice seletivo S&P 500 subiu 0,05%, até 2.383,12, enquanto o índice composto da Nasdaq avançou 0,16%, para 5.870,75 pontos.

A jornada foi permeada por dúvidas do começo até o final, embora o pregão tenha sido estimulado pelos comentários feitos em Chicago pela presidente do Federal Reserve (Fed, banco central dos Estados Unidos), Janet Yellen.

Yellen declarou que poderia ser "apropriado" subir as taxas de juros na próxima reunião do banco central nos dias 14 e 15 de março, e antecipou que o processo de ajuste monetário "provavelmente" será mais rápido em 2017 do que nos dois anos prévios.

As taxas de juros de referência nos EUA estão entre 0,5% e 0,75% por conta da alta de um quarto de ponto percentual que houve em dezembro do ano passado.

A Bolsa de Valores interpretou esse dado como um sinal de normalização monetária, pelo menos em uma primeira reação, à margem de que haja uma análise maior a partir da semana que vem.

Por setores, o maior avanço foi o de materiais básicos, 0,74%, enquanto o maior retrocesso foi registrado no de bens de consumo cíclico (-0,32%).

Dos 30 títulos incluídos no Dow Jones, o grupo de equipamentos industriais Caterpillar conseguiu o maior ganho, de 0,81%, recuperando-se levemente da forte perda que teve no pregão anterior.

Atrás da Caterpillar se destacavam os avanços da farmacêutica Merck (0,76%) e do grupo bancário Goldman Sachs (0,73%).

A tecnológica Snap, que dominou a quinta-feira com sua estreia no pregão nova-iorquino e o avanço de 44% que teve em seu lançamento, fechou hoje de novo com fortes lucros, de 10,66 %, no segundo dia de cotação na Bolsa de Nova York (NYSE).

O maior retrocesso dentro do grupo do Dow Jones foi da Nike (-1,9%), seguida da rede de varejo Wal-Mart (-1,03%) e da companhia petrolífera Exxonmobil (-1,01%).

Em outros mercados, a onça do ouro subia para US$ 1.235,5, enquanto a rentabilidade dos títulos da dívida pública americana com prazo de dez anos recuava até 2,482%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos