Bolsas

Câmbio

Google anuncia apoio contra desigualdade tecnológica de gênero na A. Latina

Cidade do México, 7 mar (EFE).- O Google investirá US$ 1,14 milhão para ajudar que jovens latino-americanas ganhem habilidades tecnológicas e, assim, possam contribuir para romper com a desigualdade tecnológica de gênero, revelou nesta terça-feira o vice-presidente da companhia na Hispano-América, Adriana Noreña.

O investimento, anunciado na Cidade do México por ocasião do Dia Internacional da Mulher, celebrado amanhã, será destinado a duas entidades, a Laboratoria e a Sulá Batsú, que, segundo Noreña, "têm impacto e buscam empoderar as meninas".

O número de trabalhadoras na área de tecnologia é ainda pequeno. De acordo com números do Google, nos setores de design e gerência de projetos há 15% de mulheres. No entanto, em áreas como a programação, há menos de 10% de profissionais do sexo feminino.

O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) calcula que a América Latina precisará de 1,25 milhão de programadores até 2025. Além disso, disse Noreña em entrevista à Agência Efe, o talento não é abundante.

"As empresas de tecnologia que estão interessadas em crescer ainda têm um grande desafio: onde encontrar pessoal. Tudo isso constitui uma grande oportunidade de gerar emprego para as mulheres. A questão a resolver é como fazer com que essas oportunidades cheguem até elas", afirmou a vice-presidente.

A Laboratoria quer formar, ao longo dos próximos três anos, cerca de 2 mil mulheres com idades entre 18 e 35 anos em habilidades digitais no México, no Chile e no Peru. Por enquanto, elas aprendem temas como o desenvolvimento web, mas a instituição também deve ensinar áreas como a experiência de usuário.

Já a Sulá Batsú busca ensinar meninas com idades entre 10 e 14 anos e suas mães. A entidade quer beneficiar 2.280 mulheres em dois anos.

Essa é a primeira vez que o Google.org - a parte responsável por filantropia na empresa - concede apoio à América Central. A Laboratoria receberá US$ 790 mil e a Sulá Batsú US$ 390 mil.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos