PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Taiwanesa ASE e Qualcomm planejam investimento multimilionário no Brasil

23/03/2017 08h52

Taipé, 23 mar (EFE).- A taiwanesa Advanced Semiconductor Engineering (ASE), maior empresa de testes e embalagem de circuitos integrados do mundo, revelou nesta quinta-feira um acordo de investimento no Brasil com a americana Qualcomm, ainda em estudo.

O plano contempla a construção de um centro para teste e empacotamento de circuitos eletrônicos em Campinas, no interior de São Paulo, em cooperação com a Qualcomm, especializada em chips para smartphones, segundo informou hoje o jornal taiwanês "Gongshang Shibao".

A ASE, a Qualcomm e o governo brasileiro preveem um investimento de US$ 200 milhões na fase inicial do projeto em Campinas, onde já têm fábricas a sul-coreana Samsung e a chinesa Lenovo, disseram fontes industriais citadas pelo jornal.

Este anúncio se segue a outros de aumento de investimentos no Brasil de empresas tecnológicas taiwanesas, tais como o New Kingpo Group (NKG) e a ADATA Technology (ADATA), em resposta aos incentivos do mercado, segundo declarações de seus diretores feitas na quarta-feira em um evento de promoção brasileira em Taipé.

O segundo maior fabricante de módulos semicondutores do mundo, a ADATA, procura aumentar seus investimentos no Brasil nos campos de pesquisa e desenvolvimento, manufatura e rede de vendas, segundo disse na quarta-feira seu diretor, Max Liu, no mencionado evento.

Outras duas empresas da ilha, Calcom (filial do NKG) e Phison Electronics, que investiram no Brasil em uma fábrica de memória NAND em setembro de 2015, mantêm uma visão positiva sobre seu investimento e têm planos de expandi-lo.