Libra sobe frente ao euro após ativação do Brexit

Londres, 29 mar (EFE).- A libra esterlina subiu nesta quarta-feira frente ao euro depois que o governo do Reino Unido comunicou a ativação do artigo 50 do Tratado de Lisboa, o que dá início à negociação com Bruxelas para a saída do país da União Europeia (UE).

À espera de saber quais serão as prioridades na negociação, a libra esterlina se mantinha sólida frente ao euro e subia 0,41%, para 1,156 euros, às 12h50 GMT (9h50 de Brasília), após ter sofrido uma valorização de 0,67% em relação à divisa europeia logo depois da ativação do artigo 50 do Tratado de Lisboa.

Por outro lado, a moeda britânica perdeu 0,20% de seu valor em relação ao dólar, para US$ 1,242.

A Bolsa de Valores de Londres também apresentou números negativos, com baixa de 0,11%, até 7.335,31 pontos.

Segundo os analistas, os mercados agradecem, por um lado, o início do processo de negociação e, por outro, estão à espera dos detalhes e de qual será o tom, conciliador ou agressivo, das conversas com Bruxelas.

A evolução da libra dependerá de quão "desafiadora" será a posição do Reino Unido, declarou o analista de mercados da ETX Capital, Neil Wilson, que, além disso, alertou para a existência da ameaça de um segundo referendo de independência na Escócia.

A Prefeitura da "City" de Londres, que representa os interesses do distrito financeiro da capital britânica, afirmou hoje que o governo da primeira-ministra Theresa May deve negociar um acordo comercial com a UE "o mais parecido com a situação atual" e com "acesso recíproco aos mercados".

O presidente do departamento de política da City of London Corporation, Mark Boleat, disse que é "essencial" que o Executivo da primeira-ministra Theresa May "obtenha um acordo transitório o mais rápido possível nas negociações para oferecer clareza e garantias às empresas e aos consumidores" britânicos e da UE.

May anunciou hoje no parlamento britânico que ativou o artigo 50 do Tratado de Lisboa, que inicia o período de dois anos de negociações com a Comissão Europeia, e disse que planeja negociar um acordo que beneficie "a todo o Reino Unido".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos