Bolsas

Câmbio

Jamaica suspende proibição de importar carne brasileira

Kingston, 4 abr (EFE).- A Jamaica anunciou nesta terça-feira a suspensão imediata da proibição de importar carne procedente do Brasil que tinha sido imposta após o escândalo da carne adulterada revelada pela Operação Carne Fraca.

O ministro da Agricultura da Jamaica, Karl Samuda, fez o anúncio em entrevista coletiva na qual indicou que a decisão foi tomada depois que uma equipe técnica visitou o Brasil na semana passada para inspecionar as instalações das quais são enviadas ao país caribenho a maior parte da carne importada.

"Constatamos que as instalações cumpriam com os níveis de exigência internacionais", esclareceu o ministro, cujo país importa do Brasil 99,5% da carne em conserva que consome.

Samuda disse que os resultados dos testes sobre amostras de carne em conserva realizados por funcionários do Escritório de Normas e outras agências jamaicanas confirmaram que os artigos cumpriam os padrões de segurança exigidos, motivo pelo qual se decidiu suspender a proibição.

Cerca de 20 empresas do setor no Brasil se viram envolvidas no escândalo revelado no último dia 17 de fevereiro e que pôs em alerta os principais importadores de carne.

Segundo a Polícia Federal, as empresas investigadas "maquiaram" com produtos químicos carnes que estavam em mau estado e não cumpriam com os requisitos para o consumo, para o que subornaram dezenas de fiscais sanitários.

Samuda destacou hoje que seu ministério seguirá muito de perto o assunto e negou que a interrupção temporária da entrada de carne proveniente do Brasil tenha sido uma medida exagerada.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos