Bolsas

Câmbio

França pede que EUA continuem a cooperar na política econômica internacional

Bari (Itália), 13 mai (EFE).- O ministro francês de Economia e Finanças, Michel Sapin, pediu neste sábado que os Estados Unidos continuem com a cooperação internacional na política econômica e não bloqueie os avanços alcançados com o Acordo de Paris sobre a mudança climática.

Ao término da reunião do G7 de Finanças realizada em Bari (sul da Itália), Sapin declarou à imprensa que os outros membros do grupo dos sete países mais industrializados (Itália, Alemanha, França, Reino Unido, Japão e Canadá) pediram à administração dos Estados Unidos que siga "com o mesmo espírito de cooperação internacional" em matéria de política econômica mundial.

A agenda de nacionalismo econômico e protecionismo comercial do presidente americano, Donald Trump, gera preocupação a nível internacional, embora isso não tenha sido debatido de forma oficial nesta reunião do G7 de Finanças, pois este assunto será analisado na cúpula dos líderes do grupo em Taormina entre 26 e 27 de maio.

Não obstante, os ministros de Finanças do G7 reconhecem em sua declaração final que trabalham "para fortalecer a contribuição do comércio" a suas economias.

Sapin também se referiu, em uma mensagem na rede social Twitter, à importância do Acordo de Paris sobre mudança climática de 2015, cuja "colocação em prática é fundamental", e solicitou que os "Estados Unidos superem seu bloqueio".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos