Bolsas

Câmbio

EUA estudam estender veto a computadores em voos, diz secretário de Segurança

Washington, 28 mai (EFE).- O secretário de Segurança Nacional dos Estados Unidos, John Kelly, afirmou neste domingo que "poderia" estender ao mundo todo o veto que agora impede viajantes procedentes de dez aeroportos internacionais de levar laptops na bagagem de mão quando a origem ou destino são os Estados Unidos.

O governo de Donald Trump estuda a possibilidade de ampliar essa regra aos voos da União Europeia (UE), mas Kelly disse hoje que "poderia" ser aplicado em nível mundial para os voos com origem ou destino nos Estados Unidos.

"Existe uma ameaça real, são muitas contra a aviação, porque é com isso que os terroristas estão obcecados, com a ideia de derrubar um avião em pleno voo, principalmente se for de companhia americana", garantiu Kelly, em entrevista com ao canal "Fox News".

Ele revelou que a decisão terá como base informações "de inteligência" que os Estados Unidos têm e contará com a "cooperação" de aliados no resto do mundo. O veto impediria a entrada nas cabines das aeronaves de aparatos eletrônicos maiores do que um celular, ou seja, tablets, câmaras e livros eletrônicos, entre outros, que deveriam ser despachados com o restante da bagagem.

Em março, o governo americano proibiu esses aparelhos na bagagem de mão em voos sem escalas vindos de dez aeroportos internacionais em oito países de maioria muçulmana: Jordânia, Kuwait, Egito, Turquia, Arábia Saudita, Marrocos, Catar e Emirados Árabes Unidos.

Kelly planeja agora expandir a determinação aos voos provenientes da União Europeia, um assunto sobre o qual as autoridades americanas e europeias conversaram no último dia 17 em uma reunião em Bruxelas. Supostamente, a ideia do veto é impedir a entrada bombas escondidas em aparelhos eletrônicos nos aviões.

Em abril, em entrevista concedida ao canal "CNN", o secretário de Segurança informou que grupos jihadistas desenvolveram bombas que se camuflam em dispositivos eletrônicos e que são capazes de enganar os controles de segurança dos aeroportos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos