Bolsas

Câmbio

Investidores estrangeiros comprarão bônus bancários na China via Hong Kong

Pequim, 2 jul (EFE).- Os investidores estrangeiros poderão entrar no mercado interbancário de bônus da China através de uma conexão especial a partir de Hong Kong, dentro de um programa piloto que começará nesta segunda-feira.

O mecanismo permitirá a investidores qualificados operar em ambas as direções entre China e Hong Kong, tanto em iuanes como em moedas estrangeiras, anunciou hoje um comunicado conjunto do Banco Popular da China (banco central chinês) e da Autoridade Monetária de Hong Kong.

No entanto, a "conexão do norte" - de Hong Kong para China - começará antes por motivos técnicos, enquanto que a "conexão do sul" entra em operação em uma data ainda não definida.

Só poderão ter acesso operadores qualificados, como bancos centrais, fundos soberanos, organizações financeiras internacionais, bancos comerciais, empresas de seguros, firmas de corretagem ou gerentes de fundos de investimento.

Poderão investir em bônus comercializados no mercado interbancário, como bônus do tesouro ou de governos locais, bônus de bancos comerciais ou de empresas, ou ainda valores respaldados por ativos.

As autoridades monetárias de Pequim e Hong Kong acertaram uma série de medidas para informar aos investidores externos sobre as normas financeiras chinesas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos