Petrobras e companhia chinesa assinam memorando para avaliar oportunidades

São Paulo, 4 jul (EFE).- A Petrobras e a Cooperação Nacional de Petróleo da China (CNPC) assinaram um memorando de entendimento com o qual se comprometeram a avaliar oportunidades, de maneira conjunta, em áreas de interesse mútuo no Brasil e no exterior.

A Petrobras informou nesta terça-feira que o memorando foi assinado pelo presidente da empresa, Pedro Parente, e pelo vice-presidente da CNPC e presidente da PetroChina, Wang Dongjin, e tem como objetivo estabelecer uma associação estratégica.

De acordo com o comunicado da Petrobras, as duas companhias se beneficiarão da capacidade e experiência nos diferentes segmentos da cadeia de petróleo e gás, incluindo a potencial estruturação de financiamento.

A Petrobras ressaltou que a assinatura de associações é um dos eixos do Plano de Negócios e Gestão de 2017-2021.

Desde 2013, Petrobras e CPNC, a maior companhia integrada de petróleo e gás da China, são sócias no campo de Libra.

Brasil e China estreitaram neste ano as relações entre os países, ao anunciar a implementação de um fundo comum de US$ 20 bilhões para desenvolver no Brasil projetos em diversos setores, principalmente de infraestrutura.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos