Bolsas

Câmbio

Fed pode começar a reduzir carteira de treasuries em setembro

Washington, 5 jul (EFE).- O Federal Reserve (Fed), banco central dos Estados Unidos, pode começar a reduzir a sua carteira de treasuries e títulos lastreados em hipotecas a partir de setembro, segundo as atas da última reunião do banco central, ocorrida em 13 e 14 de junho e divulgadas nesta quarta-feira.

Os documentos indicam que a maioria dos membros do Comitê de Mercado Aberto do Fed querem "anunciar o início do processo dentro de dois meses". Esta retirada do estimulo com a compra de dívida será iniciada de maneira gradual e era esperada pelos analistas, que a consideravam como um complemento obrigado para a alta das taxas de juros.

O Fed iniciou medidas excepcionais de expansão monetária devido à profunda crise financeira de 2008 e 2009 comprando títulos da dívida que levou seu balanço desses treasuries até o recorde histórico de US$ 4,5 trilhões.

Na reunião de junho, o Fed decidiu voltar a subir os juros básicos em 0,25% pela segunda vez neste ano, para o patamar de 1% a 1,25% em função da confiança na melhora da economia e da geração de empregos, com uma inflação estabilizada em torno de 2%.

As atas indicam que a maioria dos membros do órgão que determina a política monetária do Fed considera que a moderação da inflação nos últimos meses é passageira e que o aumento dos preços continuará no ritmo atual.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos