Bolsas

Câmbio

Cazaquistão inaugura banco de urânio pouco enriquecido da OIEA

Astana, 29 ago (EFE).- O presidente do Cazaquistão, Nursultan Nazarbayev, inaugurou nesta terça-feira o banco de urânio pouco enriquecido da Agência Internacional de Energia Atômica (OIEA), instalado na cidade de Öskemen.

Nazarbayev entregou as chaves da instalação ao diretor-geral da OIEA, Yukiya Amano, e propôs a realização de uma cúpula mundial sobre segurança nuclear em Astana.

"Já houve uma cúpula por iniciativa americana. Agora o Cazaquistão está preparado para iniciar a renovação da cúpula mundial de segurança nuclear", disse o presidente, que defendeu a busca de uma solução entre todos os Estados com capacidade nuclear.

"Proponho legalizar a situação de todos os Estados nucleares de fato e convocar uma cúpula de países nucleares para discutir conjuntamente a solução para este problema global", disse.

Nazarbayev se referiu também às sanções dos Estados Unidos contra a Rússia, o que, ao seu julgamento, "preocupa toda a humanidade" por se tratar de "um aumento das tensões entre os dois principais Estados nucleares do mundo".

Por sua vez, Amano agradeceu pelas "generosas contribuições financeiras" que tornaram possível a abertura do banco de urânio pouco enriquecido (LEU, na sigla em inglês).

"Este é um projeto muito complexo, que integrou uma grande quantidade de acordos. Estou muito agradecido a todos os doadores: Estados Unidos, União Europeia, Kuwait, Emirados Árabes Unidos, Noruega, Cazaquistão e a Iniciativa da Ameaça Nuclear", disse.

"O banco LEU dará uma contribuição valiosa aos esforços internacionais para assegurar a existência de combustível para as usina nucleares", acrescentou.

O ministro de Energia do Cazaquistão, Kanat Bozunbayev, considerou que "a criação do LEU é uma contribuição significativa do nosso país ao desarmamento nuclear e ao fortalecimento da segurança internacional".

O banco de urânio pouco enriquecido pretende proporcionar uma reserva de combustível para ser posto à disposição dos Estados membros da OIEA, a preços de mercado, como último recurso caso que não sejam capazes de obter urânio pouco enriquecido para a geração de energia no mercado comercial mundial.

Em 2006, a OIEA decidiu estabelecer um banco de urânio pouco enriquecido e, em 2011, o Cazaquistão se ofereceu para acolher a instalação em seu território, na cidade de Öskemen.

Sob o mandato do presidente Nazarbayev, o Cazaquistão renunciou a todas as armas nucleares da era soviética, destruiu o campo de testes nucleares de Semei (antiga Semipalatinsk) e se uniu ao Tratado de Não-Proliferação Nuclear.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos