Bolsas

Câmbio

Barril do Texas fecha em alta de 1,62%

Nova York, 5 out (EFE).- O barril do Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) fechou nesta quarta-feira em baixa de 1,62%, cotado a US$ 50,79, em meio a rumores que indicam uma nova extensão do acordo firmado em 2016 para diminuir a oferta mundial do produto.

Ao final do pregão na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos futuros do WTI para entrega em novembro subiram US$ 0,81 em relação ao preço do fechamento da última sessão.

Os investidores estão acompanhando as notícias da visita a Moscou do rei da Arábia Saudita, Salman bin Abdul Aziz, e a possibilidade de os dois países ampliarem mais uma vez um acordo firmado no fim do ano passado para cortar a produção de petróleo.

Esse pacto foi aprovado pela Organização de Países Exportadores de Petróleo (Opep) em 30 de novembro do ano passado. Pouco depois, produtores importantes como a Rússia se uniram ao acordo. Em maio, os países envolvidos o estenderam por mais nove meses.

Os investidores também estão acompanhando com preocupação o possível impacto no Golfo do México da tempestade tropical Nate, que está passando atualmente pela América Central.

As previsões indicam a possibilidade de o Nate se transformar em furacão neste fim de semana quando se aproximar do Golfo do México, uma região de intensa atividade petroleira dos Estados Unidos.

Por sua vez, os contratos de gasolina para entrega em novembro subiram US$ 0,03, para US$ 1,61 o galão, enquanto os de gás natural para entrega no mesmo mês caíram US$ 0,02, até US$ 2,92 por cada mil pés cúbicos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos