ipca
-0,09 Ago.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

RSF critica possível deslocamento de conteúdos jornalísticos no Facebook

07/11/2017 11h50

Paris, 7 nov (EFE).- A ONG Repórteres Sem Fronteiras (RSF) manifestou nesta terça-feira sua inquietação pelo teste realizado pelo Facebook em seis países e que desloca os conteúdos jornalísticos dos principais tópicos para a barra "explorar" se estes não forem patrocinados.

"Este dispositivo reforça uma distribuição discriminatória dos conteúdos jornalísticos que põe em perigo a vitalidade do jornalismo", denunciou em comunicado o secretário-geral da RSF, Christophe Deloire.

Até agora e desde meados de outubro, o Facebook testou essa mudança na Bolívia, Camboja, Eslováquia, Guatemala, Sérvia e Sri Lanka.

Deloire destacou que levando em conta "a importância que adquiriram as redes sociais para o acesso aos veículos de informação, seria perigoso que o jornalismo fosse relegado no Facebook ".

Por isso, a organização de defesa dos profissionais da informação pediu a essa companhia "mais responsabilidade" e se queixou das condições nas quais realiza este teste, em particular "a ausência de transparência".

A RSF ressaltou que as atuações do gigante de internet "podem ter um impacto sobre a democracia e a liberdade de imprensa", e a esse respeito afirmou que alguns lugares constataram uma queda na audiências após o início destes testes.

Mais Economia