Bolsas

Câmbio

Canadá considera "construtivas" as declarações de Trump sobre o Nafta

Toronto (Canadá), 12 ene (EFE).- A ministra de Comércio Internacional do Canadá, Chrystia Freeland, qualificou nesta sexta-feira de "construtivas" as declarações do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, nas quais ele se mostrou otimista sobre a renegociação do Tratado de Livre Comércio da América do Norte (Nafta, na sigla em inglês).

"Todos temos em mente as eleições no México e, no que diz respeito ao Canadá, vamos para estas negociações com boa fé", disse Freeland sobre as declarações de Trump ao "Wall Street Journal", nas quais o líder americano sugeriu que as negociações poderiam se prolongar até as eleições mexicanas de 1º de julho.

"Desde o princípio, pensamos que impor datas-limite artificiais não era necessário. Sempre consideramos estas negociações como muito complexas. É uma negociação sobre um acordo comercial que já está em vigor, sobre a maior área de livre comércio do mundo", explicou a ministra canadense.

"O Canadá está preparado para dedicar às negociações o tempo que for necessário para fazê-lo bem. Acredito que foi uma proposta construtiva por parte do presidente (Trump)", concluiu a ministra canadense.

Em suas declarações ao "The Wall Street Journal", o presidente americano afirmou que as negociações estavam avançando de forma apropriada e que não havia "pressa", pois existe a chance de obter "um acordo razoável".

Freeland disse que o Canadá está preparado para o fim do Tratado de Livre Comércio da América do Norte (Nafta) se os Estados Unidos decidirem eliminar o acordo comercial, após declarações contraditórias de Trump, que indicou que prefere sair do acordo se não obtiver concessões.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos