Bolsas

Câmbio

Filial britânica de Toys "R" Us fechará todas suas lojas

Londres, 14 mar (EFE).- Todas as lojas da Toys "R" Us no Reino Unido fecharão ao longo das próximas seis semanas, segundo anunciou nesta quarta-feira a loja de brinquedos; uma decisão que deixará mais de 3.000 pessoas sem trabalho.

A empresa, que cedeu seu controle a um administrador independente após declarar insolvência no final de fevereiro - um procedimento legal válido no Reino Unido -, informou aos meios de comunicação que esta decisão foi tomada depois que não conseguiu encontrar um comprador antes da data limite.

A companhia fechará 25 de suas lojas antes de quinta-feira, mas deixará seus outros 75 pontos distribuídos ao longo do país abertos para vender o resto das suas reservas com descontos, segundo afirmou Simon Thomas, integrante da equipe de administração.

Com esta notícia, a Toys "R" Us se uniu hoje a uma longa lista de negócios que tiveram problemas financeiros no Reino Unido este ano, incluindo a loja de bijuteria Claire's e a de eletrónica Maplin.

Segundo os analistas, as mudanças nos hábitos de consumo, a alta da inflação e a redução do poder aquisitivo entre os britânicos estão por trás destas dificuldades entre as empresas de venda ao público.

A Toys "R" Us no Reino Unido é uma filial da loja de brinquedos radicada nos Estados Unidos, que se declarou em quebra em setembro do ano passado e também começará a fechar suas mais de 800 lojas a partir desta semana.

A loja de brinquedos assegurou no último mês de fevereiro que os problemas da filial britânica não afetarão os demais negócios na Europa.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos