Bolsas

Câmbio

Barril do Texas supera US$ 70 pela primeira vez desde 2014

Nova York, 7 mai (EFE).- O barril do Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) fechou nesta segunda-feira em alta de 1,45%, cotado a US$ 70,73, superando o patamar dos US$ 70 pela primeira vez desde 26 de novembro de 2014.

Ao final do pregão na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos futuros do WTI para entrega em junho subiram US$ 1,01 em relação ao preço do fechamento da sexta-feira passada.

A alta de hoje está vinculada com as preocupações do mercado em relação ao acordo sobre o programa nuclear iraniano de 2015 que deve ser revisado nos próximos dias pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

Trump vem insinuando a possibilidade de que os EUA se retirem desse acordo, que foi assinado com o governo iraniano por seis potências mundiais e que foi referendado pelo Conselho de Segurança da ONU.

O governante americano antecipou hoje que informará da sua decisão a respeito do pacto na tarde desta terça-feira

Junto com os Estados Unidos assinaram o acordo, além do Irã, Rússia, China, Reino Unido, França e Alemanha. O pacto foi negociado durante vários anos e tinha como objetivo evitar que o Irã desenvolva armas nucleares.

A possibilidade de que os EUA se retirem deste acordo vem gerando altas nos preços do petróleo nos últimos dias pela possibilidade de que se suscitem novas tensões no Oriente Médio e haja novas sanções econômicas contra Teerã.

Por sua vez, os contratos de gasolina para entrega em junho subiram US$ 0,02, para US$ 2,13 o galão, enquanto os de gás natural com vencimento no mesmo mês somaram US$ 0,03, até US$ 2,74 por cada mil pés cúbicos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos