ipca
0,48 Set.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Dow Jones fecha praticamente estável

08/05/2018 18h17

Nova York, 8 mai (EFE).- O índice Dow Jones Industrial fechou nesta terça-feira em leve alta de 0,01%, após um rebote dos mercados posterior ao anúncio da retirada dos Estados Unidos do acordo nuclear com o Irã.

Ao final do pregão, o principal indicador da Bolsa de Nova York somou 2,89 pontos e ficou com 24.360,21. Já o seletivo S&P 500 caiu 0,03%, até 2.671,92, enquanto o índice composto da Nasdaq avançou 0,02%, para 7.266,90 pontos.

Wall Street abriu com números vermelhos, à espera que o presidente Donald Trump anunciasse, previsivelmente, a saída dos EUA do acordo que assinou em 2015 com Irã, Rússia, China, França, Reino Unido e Alemanha para limitar o programa atômico de Teerã em troca da suspensão das sanções internacionais.

Trump cumpriu os prognósticos e, além disso, anunciou que os EUA voltarão a impor as sanções econômicas sobre o Irã, por considerar que há "provas" de que seu governo mentiu quando disse que seu programa atômico tinha fins pacíficos.

Após o anúncio, o Dow Jones chegou a cair 150 pontos, mas depois rebateu, ficando em território positivo, embora muito perto da linha plana, assim como ocorreu com o Nasdaq.

Por setores, o maior avanço foi do energético, de 0,78%, enquanto o retrocesso mais pronunciado foi para o de empresas de serviços públicos, de 2,51%, seguido pelo de telecomunicações (-1,3%).

Dos 30 títulos incluídos no Dow Jones, as maiores quedas foram de Verizon (-1,49%), Nike (-1,27%) e Merck (-1,08%). A Disney, que publicou hoje seus resultados trimestrais, recuava 0,67%.

Por outro lado, as altas foram puxadas pelo grupo JPMorgan (1,48%), seguido por General Electric (1,42%), Chevron (1,3%) e American Express (1,18%).

Em outros mercados, a onça do ouro subia para US$ 1.314,9, enquanto a rentabilidade do bônus do Tesouro a 10 anos recuava até 2,968%.

Mais Economia