PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Trump prevê reunião produtiva com Xi, mas não promete rever subida de tarifas

28/06/2019 06h31

Osaka (Japão), 28 jun (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, previu nesta sexta-feira que sua reunião de amanhã com o mandatário chinês, Xi Jinping, será "produtiva", mas negou que tenha prometido à China não impor novas tarifas sobre seus produtos.

"Acho que será produtiva. Vamos ver o que acontece amanhã, será um dia muito emocionante, tenho certeza de que as coisas serão boas para os dois países, vamos esperar", disse Trump aos jornalistas, no início de seu encontro com o presidente Jair Bolsonaro, durante a cúpula do G20, em Osaka (Japão).

Questionado por uma jornalista se tinha prometido a China não impor novas tarifas sobre suas importações, Trump respondeu: "Não, eu não prometi, não. Boa pergunta".

O jornal independente "South China Morning Post", de Hong Kong, afirmou ontem que os dois países tinham chegado a um acordo de anunciar no G20 uma trégua na guerra comercial, com Washington freando a imposição de novas tarifas.

Em maio, Trump rompeu a última trégua com a China ao elevar as tarifas dos produtos chineses no valor de US$ 200 bilhões para 25%, e ameaçou estender as contribuições para o restante das importações do país, no valor de US$ 325 bilhões.

Essa possibilidade provocou reclamações dos EUA por causa do boom que causaria no custo de produtos que são altamente valorizados pelos consumidores, como smartphones e calçados.

Tanto Washington como Pequim deram sinais de otimismo antes da reunião de amanhã entre Trump e Xi. EFE