IPCA
0,1 Out.2019
Topo

Dow Jones fecha em alta de 1,43% após redução nas tensões entre EUA e China

08/08/2019 20h44

Nova York, 8 ago (EFE).- O índice Dow Jones Industrial fechou nesta quinta-feira em alta de 1,43%, após a diminuição dos temores sobre uma escalada das tensões comerciais entre Estados Unidos e China, que por sua vez tenta agora estabilizar sua moeda, o iuane.

O principal indicador da Bolsa de Nova York somou 371,12 pontos e chegou a 26.378,19. O S&P 500 avançou 1,88%, para 2.938,09, e o índice composto da Nasdaq subiu 2,24% e fechou aos 8.039,16 pontos.

Na segunda-feira, a China desvalorizou o iuane abaixo de 7 unidades por dólar, o que levou o governo americano a acusar o país asiático de de manipulador cambial. Hoje, porém, analistas do mercado citados pela parceria EFE Dow Jones afirmaram que Pequim está tentando manter o câmbio estável, o que animou os investidores.

Também tiveram peso positivo para a recuperação desta quinta-feira dados positivos sobre as exportações da China, que aumentaram em 3,3% em julho em relação ao mesmo mês no ano passado, mais do que o previsto pelos analistas.

No Dow Jones, as principais altas foram dos papéis de Dow (4,23%), Chevron (3,51%), Microsoft (2,67%), Exxon Mobil (2,67%), Visa (2,61%), Walt Disney (2,25%), Apple (2,21%), Boeing (2,13%), Nike (2,12%).

No horário de fechamento da bolsa, a onça do ouro era cotada a US$ 1.515, e o rendimento dos treasuries de 10 anos subia para 1,714%. EFE

Economia