IPCA
0,1 Out.2019
Topo

Bolsa de Londres sobe, mas libra perde força em pregão marcado pelo Brexit

17/10/2019 13h56

Londres, 17 out (EFE).- O índice principal da Bolsa de Valores de Londres, o FTSE-100, fechou nesta quinta-feira em alta de 0,41%, aos 7.182,31 pontos, em uma jornada volátil devido ao novo acordo do Brexit, na qual a libra esterlina perdeu força após atingir o maior patamar em cinco meses.

A libra chegou a subir 1% em relação ao dólar e também se valorizou diante do euro após o primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, e o presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, anunciarem que chegaram a um acordo para a saída do Reino Unido da União Europeia (UE).

No entanto, a moeda voltou a cair quando o Partido Unionista Democrático (DUP) da Irlanda do Norte, parceiro do governo conservador de Johnson, revelou que não o apoiaria.

A libra seguia oscilando no fechamento do mercado de ações, quando subia 0,17% frente ao dólar, mas caía 0,25% em relação ao euro.

Os mercados aguardam para ver se a Câmara dos Comuns (a câmara baixa do Parlamento britânico) aprovará ou rejeitará o novo acordo na votação prevista para este sábado.

Entre as empresas que mais subiram no FTSE-100 se destacam a seguradora Legal & General (2,73%); a rival Prudential (2,64%), e o grupo de turismo TUI (2,37%). As maiores quedas foram da produtora de papel Mondi (-5,02%), da produtora de material aeroespacial BAE Systems (-2,77%) e do grupo de engenharia Smiths (-2,23%). EFE

Economia