PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Preocupação com coronavírus faz Disney fechar parques nos EUA e na França

13/03/2020 12h28

Los Angeles (EUA), 12 mar (EFE).- A Disney anunciou nesta quinta-feira o fechamento temporário de seus parques temáticos nos Estados Unidos, localizados na Califórnia e em Orlando, e nos de Paris, na França, a partir de domingo e até o final de março, como medida de precaução contra a propagação do novo coronavírus.

A medida também é válida para cruzeiros marítimos da Disney, que terão as saídas adiadas pelo mesmo período.

Esta será a quarta vez na história que o parque Disneyland, na Califórnia, é fechado. As ocasiões anteriores foram durante os ataques de 11 de setembro (2001), a manhã em que John F. Kennedy morreu (1963) e o terremoto de Northridge (1994).

A decisão foi bem recebida pelas autoridades do estado, o mais populoso dos EUA. O governador Gavin Newsom se reuniu com executivos da Disney e de outras empresas para discutir o fechamento de instalações particulares que recebem milhares de visitantes todos os dias.

"Tarde da noite passada, a Califórnia estabeleceu uma nova política sobre reuniões de massa e se envolveu em discussões profundas com a Disney e outras empresas sobre como cumpri-la", disse Newsom em um comunicado.

"Sob essa política, a Disney tomou a decisão certa no interesse da saúde pública e concordou em fechar os parques na Califórnia", acrescentou o governador, que espera outros anúncios do tipo em breve.

Enquanto os parques serão fechados na noite do próximo sábado, os hotéis da Disney permanecerão abertos até a próxima segunda-feira para permitir que os turistas alterem os planos de viagem. A companhia informou que devolverá o dinheiro das reservas afetadas.

Além dos parques temáticos da Disney, o Universal Studios Hollywood e o Universal Orlando também vão fechar as portas como medida de cautela em meio ao avanço do contágio por coronavírus em todo o mundo.