PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Trump anuncia que Sérvia e Kosovo normalizarão relações econômicas

04/09/2020 20h48

Washington, 4 set (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou nesta sexta-feira que Sérvia e Kosovo decidiram normalizar suas relações econômicas após dois dias de conversas em Washington.

As negociações levaram a mais dois acordos: um para Belgrado transferir sua embaixada para Jerusalém e outro para o reconhecimento mútuo entre Kosovo e Israel.

"Sérvia e Kosovo estão comprometidos com a normalização econômica", anunciou Trump em cerimônia no Salão Oval, da qual participaram o presidente sérvio, Aleksandar Vucic, e o primeiro-ministro kosovar, Avdullah Hoti.

"Após uma história trágica e violenta e anos de negociações fracassadas, meu governo propôs uma nova maneira de construir pontes. Com foco na criação de empregos e no crescimento econômico. Os dois países têm feito grandes progressos", disse Trump.

O presidente americano também ressaltou sua própria importância para que o acordo fosse selado, alegando que "levou décadas para ser alcançado porque ninguém tinha tentado fazê-lo antes".

Trump também anunciou que Kosovo e Israel concordaram em normalizar suas relações e estabelecer relações diplomáticas, e que a Sérvia abrirá um escritório comercial em Jerusalém ainda neste mês, como planejado, e também mudará sua embaixada para Jerusalém em julho de 2021.

Ainda no Salão Oval, Vucic agradeceu a Trump e o convidou a visitar a Sérvia.

Por sua vez, Hoti afirmou que a normalização das relações econômicas é um "grande passo".

Kosovo declarou sua independência da Sérvia em fevereiro de 2008, nove anos após a Otan ter conduzido uma campanha de 78 dias de bombardeio aéreo para cessar a violência do autoritário regime de Slobodan Milosevic contra a população albanesa de Kosovo.

Os EUA lideraram esses bombardeios e são o principal apoiador da independência de Kosovo, aceita por mais de 100 países. No entanto, Belgrado não reconhece essa saída.