PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Santander Brasil espera concluir cisão da Getnet até 3º trimestre

03/02/2021 20h15

São Paulo, 3 fev (EFE).- O banco Santander Brasil espera concluir a cisão do sistema eletrônico de pagamentos e processamento de transações Getnet até o terceiro trimestre de 2021, para a listagem individual da empresa na Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

"Não é impossível pensar na listagem da GetNet no terceiro trimestre de 2021. Não é uma promessa, porque não depende de mim, mas não é impossível", afirmou o presidente do Santander Brasil, Sergio Rial, em entrevista coletiva para comentar os resultados anuais.

Rial espera que até 31 de março serja feita "a efetiva conclusão do processo interno de governança", com as devidas aprovações do conselho local e da Assembleia Geral de Acionistas, que será convocada de forma extraordinária para analisar o assunto.

Uma vez que todos os órgãos da entidade tenham aprovado a operação, solicitarão ao Banco Central do Brasil sua aprovação e, imediatamente depois, pedirão à CVM a listagem da empresa, que continuará sendo controlada pelo Santander Brasil.

Esse processo de autorização dos órgãos reguladores pode demorar "dois ou seis meses", mas Rial diz acreditar que, no final, será concretizado em um prazo de "dois ou três meses".

A operação, que não incluirá oferta secundária, nem primária de ações, consiste em transferir a propriedade da Getnet aos acioniastas, neste caso os do Santander Brasil. Assim, concluída a operação, os acionistas do banco se tornarão acionistas diretos da Getnet.

O banco assumiu em 2014 o controle da Getnet, uma empresa de tecnologia focada no processamento de transações com cartões, por R$ 1,1 bilhão. Em dezembro de 2018, adquiriu 11,5% que ainda estava nas mãos dos acionistas minoritários, ficando com a totalidade da empresa.

Segundo Rial, a cisão da GetNet, que já funciona em outros países da América Latina, dará "mais transparência" aos números da empresa, que atualmente tem 15% do market share no Brasil. EFE

cms/vnm

PUBLICIDADE