PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Lasso pede que Parlamento do Equador tramite reformas econômicas com urgência

25/09/2021 02h39

Quito, 24 set (EFE).- O presidente do Equador, Guillermo Lasso, compareceu nesta sexta-feira à Assembleia Nacional - o Parlamento do país - para apresentar pessoalmente a chamada Lei de Criação de Oportunidades, um projeto para tramitação em regime de urgência que contém reformas nas áreas de tributação, trabalho e investimento.

Em cerimônia realizada no plenário legislativo, Lasso pediu aos congressistas que deixem de lado diferenças ideológicas e possíveis disputas pessoais, para que o projeto de lei consiga avançar na Casa.

A Assembleia terá um mês para tramitar o projeto, pois um atraso faria com que ele entrasse em vigor por força de lei.

Entre as reformas que Lasso propôs para serem debatidas na Assembleia está uma na área de tributação que visa eliminar vários impostos. Ele ressaltou que o projeto não pretende aumentar o Imposto sobre Valor Agregado (IVA).

O governante também pedirá uma contribuição maior dos equatorianos que ganham mais de US$ 24 mil por ano, assim como de pessoas físicas que têm mais de US$ 500 mil em ativos e empresas que tenham mais de US$ 1 milhão.

Lasso pediu à Assembleia para que tramite sua reforma trabalhista, que envolve modelos de contratação de novos funcionários, e garantiu que ela não interferiria nos direitos adquiridos até agora.

"As reformas são daqui em diante, nunca para trás", enfatizou o presidente equatoriano, que alegou que seu projeto é essencial para empreender políticas destinadas a combater o desemprego, a pobreza e a desnutrição infantil.

PUBLICIDADE