PUBLICIDADE
IPCA
1,25 Out.2021
Topo

Cuba eliminará quarentena obrigatória para turistas a partir de 7 de novembro

19/10/2021 16h22

Havana, 19 out (EFE).- Os viajantes que chegarem a Cuba a partir de 7 de novembro não terão mais que passar por uma quarentena obrigatória, informou nesta terça-feira o ministro do Turismo, Juan Carlos García.

García deu hoje uma entrevista coletiva sobre a preparação do setor de turismo para a reabertura oficial das fronteiras do país, que acontecerá no dia 15 de novembro.

O ministro também indicou que a partir do dia 7, será eliminada a exigência de apresentar PCR negativo para quem chega a qualquer um dos aeroportos do país, embora deva comprovar que foi imunizado com alguma das vacinas fabricadas no mundo.

Ele acrescentou que menores de 12 anos não terão que apresentar nenhum esquema de PCR ou vacinação na chegada ao país, mas acrescentou que a vigilância epidemiológica será mantida, bem como a obrigatoriedade do uso da máscara nos terminais aéreos e no resto do país.

No caso dos residentes cubanos, devem apresentar-se ao posto de saúde mais próximo dentro de 48 horas de sua chegada e no sétimo dia farão um teste de antígenos, informou.

Juan Carlos García comentou que a reabertura "controlada" dos serviços turísticos responde ao avanço da vacinação em massa contra a covid-19, que deverá atingir mais de 90% da população até novembro, segundo estimativas oficiais.

O país suspendeu os voos comerciais e fretados em abril de 2020 para impedir a expansão do coronavírus e em outubro do mesmo ano reabriu os aeroportos, mas com uma redução mínima nos voos dos Estados Unidos, México, Panamá, Bahamas, Haiti, República Dominicana e Colômbia.

Antes da pandemia, o turismo era a segunda maior fonte de receitas oficiais de divisas de Cuba - atrás apenas da venda de serviços profissionais no exterior - e contribuía com cerca de 10% do Produto Interno Bruto. EFE

PUBLICIDADE