PUBLICIDADE
IPCA
1,25 Out.2021
Topo

Pacote de US$ 1,75 trilhão do governo Biden é aprovado na Câmara dos EUA

19/11/2021 19h24

Washington, 19 nov (EFE).- A Câmara de Representantes dos Estados Unidos aprovou nesta sexta-feira o plano de investimentos sociais proposto pelo presidente, Joe Biden, que passa agora para o Senado, onde o Partido Democrata tem pequena maioria sobre a oposição.

Hoje, a proposta já avançou por margem estreita, com o voto favorável de 220 deputados, enquanto 213 ficaram contra. Todos os legisladores republicanos mais um democrata expressaram sua rejeição.

O pacote social, batizado como "Build Back Better" (Reconstruir Melhor, em tradução livre), está avaliado em 1,75 trilhão (R$ 9,7 trilhões) e ampliaria os programas dirigidos a menores de idade e idosos, além de dedicar US$ 550 bilhões (R$ 3 trilhões) à luta contra a mudança climática nos EUA.

O plano agora segue para o Senado, onde deve ser submetido à apreciação em dezembro.

Os democratas buscarão realizar essa notável reforma social através de uma fórmula legislativa conhecida como reconciliação, que permite que um projeto de lei seja aprovado por maioria simples de 50 votos, tantos quantos os que têm no Senado, pelo que não podem permitir uma deserção em sua bancada.

O presidente Biden reduziu o volume do plano inicial, estimado em US$ 3,5 trilhões, para tentar atrair o setor moderado dos democratas, que expressaram preocupação de que isso aumentaria o já crescente déficit americano.

Esse plano social é uma das prioridades do presidente, que recentemente conseguiu que o Congresso aprovasse outra de suas principais promessas, um programa de US$ 1,2 trilhão para modernizar a infraestrutura do país. EFE

PUBLICIDADE