PUBLICIDADE
IPCA
0,47 Mai.2022
Topo

Preço da gasolina na Itália teve alta de 28,5% em um ano

20/06/2022 15h38

Roma, 20 jun (EFE).- O preço médio da gasolina na Itália chegou a 2,075 euros (R$ 11,31) pelo litro, o que representa 28,5% a mais do que um ano atrás, enquanto o diesel custa 2,030 (R$ 11,07), 37,5% a mais do que em junho do ano passado, conforme divulgou nesta segunda-feira a associação de consumidores Codacons.

De acordo com a entidade, a alta dos preços é consequência da especulação dos mercados, após a guerra da Ucrânia.

Ainda segundo o Codacons, atualmente, uma família italiana gasta 552 euros (R$ 2.846,15) a mais com gasolina, e 664 euros (R$ 3.620,39) com diesel.

O presidente da associação, Carlo Rienzi, afirmou hoje que a situação é uma "emergência nacional".

O dirigente ainda fez um apelo para que o governo italiano apresente medidas para frear a especulação nos mercados e garantiu ter feito denúncias para as autoridades competentes para que sejam investigadas "práticas ilegais" no setor.

A inflação no combustível é um problema que vem afetando os países europeus, entre eles, a Itália, ocorrendo, entre outros motivos, como consequência das tensões e da incerteza nos mercados geradas pela guerra da Ucrânia.

Para ajudar as famílias e empresas, o governo do país aprovou uma redução conjuntural dos impostos especiais nos combustíveis, de 30 centavos de euro por litro.

A medida terá validade até 8 de julho, e o governo estuda a prorrogação até o fim do verão no país. EFE