Bolsas

Câmbio

Ministro do Trabalho diz esperar comemorar retomada do emprego também em maio

Eduardo Rodrigues e Fernando Nakagawa

Brasília

O ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, comemorou nesta terça-feira, 16, o saldo positivo de 59.856 vagas de emprego formal em abril no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). Esse foi o primeiro resultado positivo para o mês desde 2014, mas, nos quatro primeiros meses de 2017, há ainda uma perda de 933 postos de trabalho com carteira assinada. Em 12 meses, há um fechamento de 969.896 vagas.

"Estamos comemorando números positivos de abril e espero comemorar essa retomada do emprego no Brasil com número positivo também em maio", afirmou o ministro. "Esperamos que se estabeleça e se concretize essa tendência de números positivos. Quanto maior é o número de trabalhadores contratados e recebendo salários, melhor será a retomada da economia", completou.

Segundo ele, com a Reforma Trabalhista, o número de trabalhadores contratados com carteira assinada deve aumentar. O ministro disse que o objetivo da mudança na legislação não é baratear o custo de mão de obra, mas melhorar as condições dos trabalhadores, com a garantia de direitos e segurança jurídica para os acordos coletivos.

"O empregador não pode ter medo de contratar, porque desde que ele cumpra com as suas obrigações ele não será surpreendido com decisões baseadas em outro entendimento legal", avaliou.

Nogueira disse ainda que a terceirização é uma realidade no Brasil e no exterior. "Terceirização é fenômeno global e precisamos dar garantias para trabalhador", concluiu.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos