Bolsas

Câmbio

INCC-M fica em 0,13% em maio ante queda de 0,08% em abril, afirma FGV

Thaís Barcellos

São Paulo

O Índice Nacional de Custo da Construção - Mercado (INCC-M) ficou em 0,13% em maio, taxa maior que a registrada em abril, quando o indicador teve deflação de 0,08%, divulgou nesta sexta-feira, 26, a Fundação Getulio Vargas (FGV).

O grupo Materiais, Equipamentos e Serviços apresentou variação negativa de 0,04% neste mês, após deflação de 0,18% na leitura de abril. Já o índice referente à Mão de Obra registrou alta de 0,27% ante estabilidade no mês anterior.

Das sete capitais analisadas, quatro registraram aceleração em suas taxas na passagem de abril para maio: Salvador (0,22% para 1,05%), Brasília (-0,15% para 0,38%), Rio de Janeiro (-0,04% para 0,09%) e São Paulo (-0,16% para 0,04%). Em contrapartida, três cidades apresentaram taxas mais baixas em maio do que em abril: Belo Horizonte (-0,12% para -0,18%), Recife (0,03% para -0,02%) e Porto Alegre (0,00% para -0,10%).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos