Bolsas

Câmbio

Economia dos EUA cria 138 mil empregos em maio, abaixo da expectativa

Washington

O ritmo de contratação nos Estados Unidos se desacelerou em maio ante abril considerando-se ajustes sazonais, segundo dados do Departamento de Trabalho do país. A economia gerou 184 mil postos de trabalho na passagem do mês, resultado abaixo da expectativa de analistas consultados pela Dow Jones Newswires, que previam criação de 184 mil empregos.

Os números dos dois meses anteriores sofreram revisões para baixo. O de abril foi revisado 211 mil para 174 mil, enquanto o de fevereiro passou de 79 mil para 50, gerando uma perda líquida de 66 mil vagas.

O salário médio por hora dos trabalhadores do setor privado ficou em US$ 26,22 em maio, alta de US$ 0,04 (ou 0,15%) ante o mês anterior. A projeção do mercado era de ganho ligeiramente maior, de 0,20%. Na comparação anual, o crescimento dos salários se manteve em 2,5% no período.

A taxa de participação na força de trabalho recuou levemente de 62,9% em abril para 62,7% em maio. O número é o menor desde a década de 1970, quando as mulheres começavam a entrar no mercado de trabalho com mais força. Fonte: Dow Jones Newswires.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos