Bolsas

Câmbio

Fed deverá elevar juros apenas mais uma vez em 2017, diz S&P

Victor Rezende

São Paulo

Mais uma elevação nas taxas dos Fed funds deve ocorrer ainda em 2017, após a decisão do Federal Reserve (Fed, o banco central americano) de elevar os juros nesta quarta-feira. A avaliação foi feita pela agência de classificação de risco Standard & Poor's (S&P), em relatório distribuído após a ação do BC dos Estados Unidos.

No comunicado, a S&P ressalta que o Fed também delineou detalhes sobre a normalização de seu balanço patrimonial, afirmando que pretende iniciar o processo de redução ainda este ano, caso a economia evolua como previsto. "O Fed não forneceu uma data de início exata ou o tamanho ótimo do balanço no final do processo de normalização, mas forneceu como isso reativaria os custos", disse a agência. O plano de normalização do Fed inclui o corte de US$ 10 bilhões por mês nos três primeiros meses, com o valor sendo elevado US$ 10 bilhões a cada três meses, até chegar ao teto de US$ 50 bilhões por mês em 12 meses.

Para a S&P, "o limite permanecerá no lugar até que a carteira encolha ao tamanho necessário para implementar a política monetária de forma eficiente e efetiva, embora o Fed deva estabelecer um portfólio maior do que o que tinha antes da crise financeira".

"Todas as indicações da declaração do Comitê Federal der Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês), das previsões e da coletiva de imprensa da presidente Janet Yellen são de que o Fomc tomará uma abordagem 'gradual' e permanecerá dependente dos dados", diz a agência.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos