Bolsas

Câmbio

Petróleo opera próximo da estabilidade com preocupações sobre excesso de oferta

Londres

Os contratos futuros de petróleo operam próximos da estabilidade nesta segunda-feira, em meio a um questionamento, por parte de investidores, sobre o forte rali da semana passada, que pode ter ignorado o contexto de excesso de oferta mundial.

Na Intercontinental Exchange (ICE), o contrato para setembro do Brent operava em alta de 0,25%, a US$ 48,89 por barril, às 8h50 (de Brasília). Na New York Mercantile Exchange (Nymex), o WTI par setembro avançava 0,37%, a US$ 46,21 por barril.

Os futuros da commodity acumularam alta média de 7,0% na semana passada, beneficiados por números mostrando uma queda da atividade de extração nos Estados Unidos pela primeira vez desde janeiro.

Hoje, no entanto, parte dos investidores dizem acreditar que o rali foi muito excessivo, e que o aumento da produção na Líbia os mantém cientes sobre a abundância de petróleo no mundo.

"Alguns participantes de mercado reconhecem que o ganho da semana passada foi muito forte", disse Carsten Fritsch, analista do Commerzbank.

De acordo com a JBC Energy, a produção líbia ultrapassou 1 milhão de barris no final de junho. A notícia "deixa o mercado em cheque", disse Ole Hansen, estrategista de commodity do Saxo Bank.

Apesar da recuperação da semana passada, os futuros acumulam queda de 15% este ano. Fonte: Dow Jones Newswires.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos