Bolsas

Câmbio

Comércio paulistano tem alta de 1,2% nas vendas em junho, diz ACSP

Caio Rinaldi

São Paulo

Os lojistas da capital paulista tiveram uma alta média de 1,2% nas vendas registradas no mês de junho, em comparação a igual período de 2016, apontou o Balanço de Vendas da Associação Comercial de São Paulo (ACSP). As vendas a prazo tiveram alta de 1% no período, enquanto os negócios à vista cresceram 1,4%. Já na comparação com o desempenho verificado no mês anterior, as vendas cresceram 0,8% na média, com as vendas a prazo e à vista avançando 1,2% e 0,4%, respectivamente.

"Como reforço para o comércio em junho, tivemos o Dia dos Namorados, a chegada do frio e o crescimento da massa salarial. Além disso, o uso dos recursos do FGTS inativo pelos consumidores foi fundamental para salvar o mês", explica o presidente da ACSP, Alencar Burti.

Os dados nas avaliações mensais, entretanto, não foram suficientes para garantir um desempenho positivo no primeiro semestre do ano. Em comparação aos seis primeiros meses do ano passado, as vendas recuaram 2,7% (-3,1% a prazo e -2,3% à vista). Apesar de negativo, o dado apresenta uma desaceleração do movimento de queda, já que no primeiro semestre do ano passado as vendas recuaram 11% sobre o registrado no período equivalente de 2015.

"A leitura é que a recessão perde força, mas não está superada. Os juros precisam cair mais para que as perdas sejam neutralizadas e o setor volte a crescer", aponta Burti.

A expectativa da ACSP para julho é de que o desempenho permaneça estável, já que após dois anos de quedas, explica Burti, não há motivos para o cenário piorar no próximo mês. Ele ainda afirma que o frio deve ajudar nas vendas da moda outono-inverno, mas indica que o apetite do consumidor ainda precisa melhorar. "A recessão pode ter ficado para trás, porém o ambiente político precisa melhorar para a retomada da confiança do consumidor." O Balanço de Vendas da ACSP é elaborado pelo Instituto de Economia da associação com base em amostra de dados da Boa Vista Serviços.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos