Bolsas

Câmbio

Investimentos na economia cresceram 1,6% em maio ante abril, diz Ipea

Daniela Amorim

Rio

O País registrou alta dos investimentos na economia na passagem de abril para maio, segundo o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). O Indicador Ipea de Formação Bruta de Capital Fixo (FBCF) cresceu 1,6%, na série com ajuste sazonal.

Na comparação com maio do ano passado, entretanto, o indicador recuou 2,9%. No acumulado do ano, a queda foi de 4,4%. A taxa do Indicador Ipea de FBCF em 12 meses passou de uma perda de 6% até o mês de abril para uma redução de 5,2% até o mês de maio.

Segundo o Ipea, o crescimento em maio ante abril foi explicado pelo avanço de 2,9% no consumo aparente de máquinas e equipamentos (Came), que soma a produção industrial brasileira com as importações de máquinas e equipamentos, excluindo da conta as exportações.

Entre os componentes do Came, a produção doméstica de bens de capital subiu 2,8%, enquanto o volume importado cresceu 1,3%. O volume de exportações de bens de capital caiu 3,2% em relação a abril.

Já o indicador de construção civil teve um recuo de 0,7% em maio, quarta queda consecutiva. Contra o mesmo mês do ano anterior, a construção despencou 9,1%, ao passo que o Came saltou 9,9%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos