Bolsas

Câmbio

Mercedes-Benz: fábrica de São Bernardo deve adotar 2 turnos no 2º semestre

André Ítalo Rocha

São Bernardo do Campo

A fábrica da Mercedes-Benz em São Bernardo do Campo (SP) deve voltar a produzir em dois turnos no segundo semestre deste ano, afirmou nesta terça-feira (27) o presidente da montadora no Brasil, Philipp Schiemer. A unidade, que tem capacidade de produzir 80 mil veículos por ano, tem operado no limite de apenas um turno.

A reabertura do segundo turno será uma consequência do crescimento da demanda. A fábrica é destinada à produção de caminhões e ônibus e esses dois segmentos têm apresentado altas significativas no acumulado de 2018 até fevereiro, de 56% e 64%, respectivamente, em comparação com igual período de 2017.

Leia também:

Nesta terça, a empresa apresentou uma nova linha de produção em São Bernardo do Campo, toda com tecnologia 4.0. A instalação não vai aumentar a capacidade de produção da fábrica, mas reduzirá em 15% o tempo necessário para produzir uma unidade.

Trata-se de um dos frutos do investimento de R$ 500 milhões feito pela montadora entre 2015 e 2018. O plano atual da empresa vai até 2022 e prevê o aporte de R$ 2,4 bilhões.

No fim da manhã, a Mercedes-Benz anunciou a contratação de mais 330 trabalhadores para suas fábricas no Brasil, sendo 250 para a de São Bernardo do Campo e 80 para Juiz de Fora (MG). A unidade mineira, que produz o caminhão Actros, aumentou o seu ritmo de produção, de cinco veículos por dia no pior momento da crise para 18 em 2018.

Clássicos: conheça o Romi-Isetta, primeiro carro feito no Brasil

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos