Bolsas

Câmbio

China abrirá negociação no mercado futuro de minério de ferro a estrangeiros

Pequim

Pouco mais de um mês depois de lançar futuros de petróleo denominados em yuan, a China começará na quinta-feira (03) a permitir que investidores estrangeiros negociem em seu historicamente volátil mercado de minério de ferro.

O mercado de futuros de Dalian, um dos dois principais pontos globais do preço do minério, tem sido reconhecido pela volatilidade, dominado por volumosos investidores de varejo.

Apenas nos últimos meses, o futuro perdeu quase um quarto de seu valor em uma derrapagem de seis semanas a partir do final de fevereiro, só então para saltar 11% na próxima semana e meia.

Apesar da oportunidade que a abertura oferece para proteger o valor de sua produção na China, os fornecedores internacionais provavelmente demoram a aproveitar, como costuma ser o caso de uma nova oferta de futuros. E as tensões comerciais entre os EUA e a China podem agravar a cautela usual, de acordo com analistas, além de gerar cautela.

"Definitivamente há interesse no mercado, mas os investidores também serão cautelosos quanto aos potenciais riscos", disse Hongmei Li, analista sênior da Mysteel Global. As tarifas de importação dos EUA sobre o aço - essencialmente vistas como direcionadas à China - criam riscos.

Além disso, os controles de capital da China criam complicações. Os investidores precisarão avaliar quão fácil será tirar dinheiro do país, e se a conversão de ganhos de negociação de yuan em dólares - bem como o custo de cumprir com os requisitos regulatórios - consumirá substancialmente os lucros.

As negociações de futuros de petróleo listadas em Xangai começaram em 26 de março, e o volume no "contrato do primeiro trimestre" - o vencimento mais próximo - foi de 5% a 10% daquele para o benchmark West Texas Intermediate dos EUA. Georgi Slavov, chefe de pesquisa da Marex Spectron, chamou isso de impressionante e disse que espera que o volume suba gradualmente até meados do ano. Ainda não há dados disponíveis sobre quanto da negociação é feita por estrangeiros. Fonte: Dow Jones Newswires.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos